Porque é importante comer após o treino?


amp-vitamina_proteica_banana

“Na semana passada foram sugeridas algumas dicas do que se poderia comer antes do treino de forma a melhorar o rendimento neste. Hoje vamos observar o que podemos comer a seguir ao treino para tentar optimizar os nossos resultados.

Antes de mais, sim, é importante fazermos uma refeição pós-treino. Esta vai servir para nos rehidratar pois o nosso corpo vai ter necessidade que água e electrólitos sejam repostos, vai permitir a ingestão de hidratos de carbono (HC), de forma a recuperar os valores de glucose no sangue, o glicogénio hepático e muscular, e com a ingestão de proteína de rápida assimilação vai permitir a regeneração muscular, através da reparação proteica, conseguindo assim diminuir o “stress” oxidativo e inflamatório. Esta refeição vai ter que ser realizada no menor espaço de tempo possível após o treino, pois quanto mais rápida for a chegada do substrato alimentar mais rápida e eficiente será a recuperação.

Resumindo, o objectivo de uma refeição nos momentos logo após o treino tem como objectivo travar o estado catabólico do músculo e potencializar um estado anabólico, acelerar a reposição de glicogénio, a regeneração dos tecidos, reduzir os danos musculares e reforçar o sistema imunitário.

Fica então a minha sugestão de uma refeição para os primeiros momentos após o treino. Poderemos recorrer a um batido de recuperação constituído por hidratos de carbono de índice glicémico (IG) elevado, como 1 a 2 bananas maduras (dependendo do tamanho), juntamente com uma proteína “whey” (0.25 a 0.50g/kg do peso corporal). Ou podemos seguir outras opções também validas como iogurtes, claras de ovos, queijo fresco, entre outros, têm é de ser HC de IG elevado, proteínas de fácil assimilação e temos que deixar as gorduras de lado. É importante que, aprox. 30 minutos a 1h depois, seja realizada uma nova refeição, esta mais complexa, rica em HC de índice glicémico moderado e proteína de fácil assimilação (consultar no artigo anterior).

Mais uma vez fica aqui a dica, valida como muitas outras, no entanto não nos podemos esquecer que mais importante do que comer bem antes do treino ou depois do treino, é preocuparmo-nos em fazer da alimentação saudável parte do nosso dia-a-dia, adaptando-a aos nossos objectivos.” – PT Jorge Ferreira